Atriz da Globo mata o próprio marido de forma macabra e detalhe assusta

Atriz da Globo mata o próprio marido de forma macabra e detalhe assusta 

A atriz em questão é Dorinha Duval, que na década de 1970 foi a responsável por interpretar a #Cuca, um dos personagens clássicos do ‘’Sítio do Picapau Amarelo’’, que anos antes já tinha sido exibido pela extinta TV Tupi.

O programa foi um dos infantis mias populares, tendo diversas versões.

 

Cabia Dorinha fazer a Cuca do ‘’Sítio’’, um dos personagens mais assustadores e importantes do programa.

 

No entanto, o que virou polêmica mesmo foi o que a famosa fez fora das telinhas, envolvendo-se em um dos crimes mais importantes da década de 1980.

 

 

Dorinha Duval reaparece após assassinar com três tiros o então marido na década de 1980

 

 

Dorinha acabou sendo uma atriz polêmica. Ela envolveu -se em uma situação criminosa complicada.

 

Na década de 1980, ela assassinou o próprio companheiro, Paulo Sérgio Garcia Alcântara. Ela deu três tiros nele e foi condenada a seis anos de prisão.

 

 

Além dela, outros atores veteranos apareceram para dar o seu ar da graça, como Berta Loran, Ruth de Souza e Ana Maria Sagres e o ator Pedro Farah.

 

 

Cuca do Sítio teve história de terror na vida real

 

 

Alguns internautas se lembraram da atriz e questionaram porque ela estava há tanto tempo sumida. “Meu Deus, o que houve com ela?”,

 

disse um dos internautas ao falar sobre o tema. Veja abaixo uma foto que mostra a celebridade ao lado de outros atores da Globo.

 

 

A imagem acabou viralizando bastante e deu o que falar, sendo divulgada inicialmente na página no comediante Nelson Freitas, do ‘’Zorra Total’’.

 

 

Muita gente acabou lembrando o rosto da famosa, que já era conhecido das páginas policiais do passado.